quarta-feira, 8 de janeiro de 2014

Portugal conquista 5 oscares do turismo mundial

E o World Travel Award 2013 para o melhor destino mundial de golfe vai para... Portugal. O anúncio da conquista portuguesa neste cada vez mais importante nicho turístico, e no qual Portugal tem apostado fortemente nos últimos anos, foi feito na noite de sábado, na gala final dos chamados "óscares" do turismo - confirmando a vitória conseguida em Agosto na ronda europeia destes prémios.
A cerimónia decorreu em Doha, no Qatar, e, além de distinções para três "estrelas" da hotelaria de luxo nacional, apontou também os holofotes a Sintra: a empresa que gere património local e edificado do concelho, a Parques de Sintra - Monte da Lua, foi considerada a melhor companhia de conservação do mundo.
Na hotelaria, os prémios máximos distinguiram o Conrad Algarve, considerado o melhor resort de lazer e spa, o madeirense The Vine, melhor hotel de design, e o Vila Joya, já habituado a vencer na categoria de melhor boutique resort do mundo, título que mantém há oito anos.
No total, são cinco os "óscares" conquistados por Portugal, três mais que no ano passado, edição em que foram entregues prémios à TAP, Vila Joya e Conrad. À gala mundial deste ano Portugal chegou com 15 nomeações em categorias de topo (a que se somavam mais duas nomeações nos prémios tecnológicos do Turismo - para os sites da TAP e do Turismo de Portugal). Entre os candidatos sem direito ao prémio final mas que podem lucrar com o prestígio da nomeação mundial contam-se regiões que já tinham vencido a nível europeu: o Algarve, que perdeu como melhor destino de praias para a Grace Bay Beach (em Turcos e Caicos, nas Caraíbas); a Madeira, ultrapassada pelas praias das Maldivas na categoria de melhor ilha; e Lisboa, derrotada por Paris como melhor destino de escapadas urbanas.
Entre os grandes vencedores da noite contam.-se também o Dubai (destino líder mundial) e o Burj el Arab (melhor hotel do mundo, também naquele país), a companhia nacional de aviação dos Emirados Árabes Unidos, a Etihad, declarada a melhor do mundo e também com a melhor primeira classe e equipa de bordo, a Air Asia (categoria melhor "low cost"), o aeroporto de Singapura (o melhor do mundo), o The Oberoi Gurgaon da Índia (melhor hotel de luxo) e o resort Forte Village, na Sardenha, Itália.
Com a cerimónia realizada no Qatar, chega ao fim um ano de competições regionais. Os World Travel Awards, que existem há 20 anos, vão distribuindo prémios, ao longo de cada temporada, por dez grandes regiões, sendo votados online por profissionais do turismo e consumidores. O voto dos profissionais registados vale o dobro do voto do público. A repetir-se a contabilidade final de edições anteriores, terão sido recebidos cerca de 800 mil votos vindos de mais de 170 países.
 

Sem comentários:

Enviar um comentário